Como as árvores se comunicam

Ao contrário do que muitos imaginam, as árvores não são solitárias e trocam diversas informações com suas vizinhas, enviam alertas e doam nutrientes através de uma rede subterrânea de fungos, que funciona como um tipo de internet do reino vegetal.


Modelo de comunicação entre árvores vizinhas. Imagem: © BBC News

Cientistas descobriram que essa rede subterrânea de fungos conecta as plantas que estão próximas em uma espécie de internet vegetal, que é composta pelos numerosos filamentos dos fungos e que recebem o nome de micélio.


Pesquisas indicam que cerca de 90% das plantas terrestres têm uma relação simbiótica com fungos: as micorrizas. Nesta relação, as plantas recebem nutrientes como carboidratos, fósforo e nitrogênio dos fungos, que também as ajudam a absorver água do solo, sendo ambos estes processos fundamentais para o desenvolvimento das plantas.


Os fungos associados com as raízes das plantas permitem não apenas essa troca de nutrientes, como também o envio de mensagens de alerta, por exemplo, quando as plantas se sentem ameaçadas por um parasita ou predador. Pelo fato dessa rede de micélios ser muito ampla e emaranhada, ela permite que muitas plantas diferentes desfrutem da mesma troca de informações. 


Comunicação de alerta de predadores. Imagem: © BBC News

Essas descobertas foram feitas através da análise do solo onde as árvores vivem. Em 1997, a pesquisadora Suzanne Simard (Universidade de British Columbia) mostrou que havia uma transferência de carbono por micélio entre árvores de espécies diferentes: um abeto e uma bétula.


Algumas plantas utilizam essa rede para roubar nutrientes ou mesmo impedir o crescimento de outras plantas em seu entorno, através da liberação de toxinas. Outras espécies trocam informações para combater espécies invasoras.


Acredita-se que essa mesma rede permita que árvores de grande porte utilizem o micélio para alimentar jovens plantas, garantindo sua sobrevivência.


Na animação abaixo, disponibilizada pela rede BBC News, são mostradas diversas interações que ocorrem através dessa internet subterrânea. Alguns desses exemplos estão narrados no livro "Revolução das plantas: um novo modelo para o futuro" de Stefano Mancuso, publicado pela Editora Ubu.



#micorriza #simbiose #fungos #micélio #comunicação #internetvegetal #árvores #ciência



276 visualizações
Escola_de_Botanica_logo_branco.png

E-mail de contato

[email protected]

Redes sociais

  • Branca Ícone Instagram
  • Branco Facebook Ícone
  • Branca ícone do YouTube

Atendimento

A Escola de Botânica está fechada durante a quarentena. Estamos trabalhando em casa e para falar conosco entre em contato através do

e-mail [email protected]

Atendimento por e-mail de segunda a sexta.

Endereço

Rua Fortunato, 125, Santa Cecília

CEP: 01224-030 • São Paulo • SP

A Escola de Botânica está temporariamente fechada devido a pandemia. Estamos trabalhando em casa. Entre em contato conosco através do e-mail ou pelas redes sociais. Atendimento de segunda a sexta.

Copyright© 2020 por Escola de Botânica • CNPJ: 26.797.455/0001-73