Castanheira-do-brasil: uma gigante da Amazônia




A Bertholletia excelsa, popularmente conhecida como castanheira-do-brasil é uma árvore de grande porte, nativa da Bolivia, Brasil, Colômbia, Guiana Francesa, Guiana, Suriname e Venezuela e que pertence à família botânica Lecythidaceae.


É a única espécie do gênero Bertholletia cujo nome homenageia o químico francês Claude Louis Berthollet.


Pode atingir mais de 50 metros de altura, sendo citada entre as maiores árvores da Amazônia. Sua copa emerge e de destaca sobre a folhagem das árvores vizinhas. Seu tronco é reto de casca acinzentada. É uma espécie caducifólia: suas folhas caem na estação seca. As folhas medem entre 20 e 35 centímetros de comprimento e entre 10 e 15 centímetros de largura.


Ocorre nos Estados do Acre, Amazonas, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima e Mato Grosso em Floresta de Terra Firme, mas também pode ocorrer em áreas antrópicas. É uma árvore de grande importância para a população local pelo comércio das sementes, e também pelas fortes relações com outras espécies de plantas e animais.