top of page

Blog

Mais de 300 matérias para você descobrir a Botânica

O guaranazeiro




O gênero Paullinia abrange 193 espécies de plantas da família Sapindaceae, que ocorrem na América Tropical e Subtropical, sul da África e Madagascar. O nome atribuído ao gênero Paullinia é uma homenagem ao médico e botânico alemão Simon Pauli.


O guaranazeiro ou guaraná (Paullinia cupana) é originário da Amazônia, encontrada no Brasil, Peru, Guiana, Colômbia e Venezuela. 


Apresenta tronco de casca escura, folhas pinadas e pentafoliadas e suas grandes flores aromáticas, de cor branca. Pode atingir até dez metros de altura.


Os frutos são cápsulas piriformes e se agrupam em cachos vermelhos. A semente mede aproximadamente 12 milímetros de diâmetro.


O guaraná apresenta grande quantidade de cafeína (responsável por suas propriedades estimulantes) e seus frutos e sementes (que passam por processos como a moagem) são utilizados na fabricação de xaropes, barras, refrescos e refrigerantes, e também pelas indústrias farmacêuticas e de cosméticos.


Por suas diversas propriedades terapêuticas, a planta é considerada uma panaceia entre as comunidades indígenas que a utilizam tradicionalmente.



O formato do fruto maduro, que lembra um olho, é narrado através da mitologia indígena que conta que a planta nasceu quando os olhos de um jovem índio (que havia morrido decorrente de picada de cobra) foram plantados na terra.


Por: Patrícia Dijigow



499 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


Los comentarios se han desactivado.

Veja nossa seleção especial de livros e gravuras

bottom of page