A beleza das orquídeas Zygopetalum




Zygopetalum é um gênero botânico pertencente à família das orquídeas (Orchidaceae). O nome vem do grego. Zygon significa par e petalon, pétalas, pois suas flores têm apenas duas pétalas iguais. Existem 14 espécies descritas, distribuídas da América Central ao sul do Brasil. Vivem sobre o solo (espécies terrícolas) ou sobre outras plantas (recebendo o nome de epífitas). A exuberância das flores de Zygopetalum desperta a atenção de cultivadores e colecionadores de plantas em todo o mundo.


As folhas de Zygopetalum são coriáceas, ou seja, lembram a textura de couro e quebram com facilidade devido à sua rigidez, lembrando na forma as folhas de grama. Na base das folhas estão localizados os pseudobulbos, estruturas mais largas e espessas que auxiliam na reserva de água e nutrientes para a planta.


A inflorescência é normalmente longa e ereta e as flores surgem na extremidade superior, podendo ser poucas ou muitas, de acordo com a espécie. As flores são vistosas, perfumadas na maioria das espécies e apresentam um aspecto ceroso ou aveludado.


Uma característica comum dos Zygopetalum é apresentarem as pétalas com máculas, manchas na cor marrom ou vinho.


As orquídeas apresentam sempre uma pétala maior, que se trata na verdade de uma estrutura denominada labelo (lê-se labélo).


O labelo é a parte das orquídeas que protege os órgãos de reprodução da planta e funciona como uma pista de pouso para os insetos polinizadores que encontram ali um loca