4 de outubro - Dia da Natureza

Atualizado: 2 de fev.

Com o objetivo de conscientizar a sociedade sobre todas as interferências e impactos que continuamente ameaçam o equilíbrio do planeta e alertar sobre a importância da preservação, foi criado em 4 de outubro, o Dia da Natureza.


Conviver em harmonia com a natureza é fundamental para nossa sobrevivência e para a manutenção de toda a vida no planeta. Nesta data também é comemorado o dia dos Animais.


A natureza acumula todos os impactos negativos gerados pela ação humana, como poluição dos recursos hídricos, da atmosfera e dos solos, desmatamentos e queimadas - ações que afetam diretamente a sobrevivência de todas as espécies. A cada impacto no meio ambiente, nos distanciamos da natureza e ampliamos o tempo necessário para que seu equilíbrio seja novamente estabelecido.


A natureza pode ser definida como o conjunto de espaço, seres e fenômenos que não são produzidos pelo ser humano, como a terra, a água, plantas, animais, atmosfera, clima, etc.


Neste Dia da Natureza, recomendamos a leitura do livro "A Invenção da Natureza - a Vida e as Descobertas de Alexander Von Humboldt", de Andrea Wulf (Editora Planeta de Livros Brasil), que revela a extraordinária vida do explorador, geógrafo e naturalista alemão Alexander von Humboldt (1769-1859), o cientista mais conhecido de seu tempo.



Alexander von Humboldt realizou diversas viagens de exploração, percorrendo da Europa à América do Sul e parte do atual território do México, aos Estados Unidos, às Ilhas Canárias e à América Central. Sua busca envolvia a compreensão de toda a dinâmica de relações que existem entre os seres vivos e o ambiente. Especializou-se em diversas áreas da ciência como etnografia, antropologia, física, zoologia, ornitologia, climatologia, oceanografia, astronomia, geografia, mineralogia, botânica, vulcanologia e humanismo, sendo considerado o último grande naturalista da história.